BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO IPOJUCA-PE, BRASIL E SUAS ANÁLISES PLUVIOMÉTRICAS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47820/recima21.v2i5.384

Palavras-chave:

Bacia hidrográfica, Ipojuca, Água

Resumo

A precipitação tem evento de disseminarem-se heterogeneamente no Globo terrestre, as altercações entre o balanço de radiação nas faixas zonais e a associação à dinâmica atmosférica possibilitam distinção dos regimes das chuvas globalmente difundidas. Objetiva-se analisar estatisticamente a flutuabilidade da precipitação pluvial na área da bacia hidrográfica do rio Ipojuca - PE como fonte alimentadora dos sistemas hidrológico do Estado do Pernambuco. Utilizou-se dos parâmetros estatístico simplificados para calculou-se média, desvio padrão, coeficiente de variância, máximos e mínimas precipitações absolutas, amplitude  anual e suas anomalias para o período de 1962-2015. Ocorre crescente variabilidade da precipitação anual e mensal. A variabilidade é maior durante a estação da primavera e verão e menor nas estações inverno e outono. As anomalias positivas são registradas em 7 municípios e as anomalias negativas ocorrem em 18 municípios. A melhoria no conhecimento das condições climáticas locais sobre a ocorrência de eventos extremos de chuva permite o aperfeiçoamento das previsões sazonais, e auxiliam aos tomadores de decisão dos órgãos governamentais a evitar ou tornar mínimo os desastres naturais. A melhoria  das condições climáticas locais sobre ocorrência de extremos de chuva permite o aperfeiçoamento das previsões sazonais, e auxiliam aos tomadores de decisão governamentais a evitar ou tornar mínimo os desastres naturais. Em geral verifica-se que o padrão pluvial local sofre influencia de diversos sistemas precipitantes que contribuem para o quantitativo da precipitação local e que suas contribuições estão interligadas aos sistemas de meso e micro escala local com a interação do uso e cobertura do solo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raimundo Mainar de Medeiros, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Universidade Federal Rural de Pernambuco, Brasil

 

Pós-doutorado pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) Instituição: Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE)

Luciano Marcelo Fallé Saboya, Universidade Federal de Campina Grande

Departamnode Engenharia Agricola

Romildo Morant de Holanda, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Departamento de Tecnolocgia Rural

Manoel Vieira de França, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Departamento de Tecnologia Rural

Downloads

Publicado

29/06/2021

Como Citar

Medeiros, R. M. de, Luciano Marcelo Fallé Saboya, Romildo Morant de Holanda, Manoel Vieira de França, & Wagner Rodolfo de Araújo. (2021). BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO IPOJUCA-PE, BRASIL E SUAS ANÁLISES PLUVIOMÉTRICAS. RECIMA21 - Revista Científica Multidisciplinar - ISSN 2675-6218, 2(5), e25384. https://doi.org/10.47820/recima21.v2i5.384

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)